+55 (41) 9 8445 0000 arayara@arayara.org
Juventude de Loreto se une no combate ao fracking

Juventude de Loreto se une no combate ao fracking

Duas capacitações foram realizadas pela COESUS em um colégio de Loreto/MA

 

O que é o fracking?

 

O fracking – também chamado de fraturamento hidráulico – é um processo que envolve a injeção de grandes volumes de água, produtos químicos e areia, a alta pressão, em camadas de rocha do subsolo para liberar o gás natural que está preso. Apesar de ser uma técnica já utilizada em vários países, ela é controversa por causar danos ambientais e ecológicos, incluindo contaminação da água subterrânea, liberação de gases de efeito estufa, terremotos induzidos etc.

 

A história mostra que a juventude brasileira sempre esteve presente nos momentos mais importantes de luta e transformação do país. Seja nas manifestações pelas Diretas Já, nas Ocupações de 2016 ou nas recentes Greves Globais pelo clima, os jovens têm sido protagonistas na busca por um futuro melhor.

No dia 26 de setembro de 2022, a COESUS – Coalizão Não Fracking Brasil pela Água e Vida, uma campanha do Instituto Internacional Arayara, realizou duas capacitações na Escola Paulo Freire, na cidade de Loreto, Maranhão. A ação contou com a participação de mais de 200 alunos. Os analistas técnicos Helena, Dalcio e Esmeralda estiveram presentes e aproveitaram a oportunidade para divulgar informações a respeito do fracking e engajar os jovens na causa climática.

As capacitações duraram cerca de duas horas cada e teve a participação interessada dos estudantes. Entre os tópicos abordados, estava a relevância da juventude na construção de um futuro justo e sustentável. O que se reflete no fato de que são essas pessoas que serão impactadas pelas mudanças climáticas no futuro próximo.

 

Estudantes da Escola Paulo Freire ao fim da capacitação.

 

Dalcio Costa, ativista da COESUS, ressaltou a importância de conscientizar e empoderar os jovens sobre o futuro que desejam. Segundo Dalcio:

“Conscientizar é dar o empoderamento aos jovens sobre qual futuro eles querem. É garantir o futuro da vida”.

A COESUS e os analistas técnicos destacaram a importância de incentivar a participação da juventude em momentos de transformações como o vivido nos dias atuais nas questões ambientais. Capacitações e diálogos como os realizados na Escola Paulo Freire são essenciais, segundo a coalizão, para ampliar a conscientização e o engajamento dos jovens nas causas em prol do clima e do meio ambiente.

 

Concejales de Novas Colinas apoyan a No Fracking Brasil

Concejales de Novas Colinas apoyan a No Fracking Brasil

El equipo de COESUS hizo una presentación a invitación de los legisladores de la ciudad maranhense.

¿Qué es el fracking?

El fracking, también conocido como fracturamiento hidráulico, es un proceso que implica la inyección a alta presión de grandes volúmenes de agua, productos químicos y arena en capas de roca subterránea para liberar el gas natural atrapado. Aunque es una técnica utilizada en varios países, es controvertida debido a los daños ambientales y ecológicos que causa, incluyendo la contaminación del agua subterránea, la emisión de gases de efecto invernadero, los terremotos inducidos, entre otros.

 

El equipo de COESUS – Coalición No Fracking Brasil por el Agua y la Vida, una campaña del Instituto Internacional Arayara, fue invitado por los concejales de Novas Colinas, en Maranhão, para participar en una sesión pública realizada en el Ayuntamiento el 23 de septiembre de 2022. El grupo compartió información sobre los riesgos de la explotación de gas de esquisto mediante la técnica del fracking en los municipios de Maranhão. En la sesión estuvieron presentes 8 concejales y más de 10 representantes de la comunidad local.

La invitación se realizó después de una conversación con la presidenta del Sindicato Rural de Agricultores y Agricultoras de Nova Colinas, Ivanete Carvalho da Silva, y otros agricultores afiliados a la organización. Durante la conversación, se discutieron los riesgos del fracturamiento hidráulico y, después de ese momento, uno de los concejales presentes invitó al equipo de COESUS a realizar una presentación en el Ayuntamiento.

Durante la sesión, todos los presentes plantearon preguntas y cuestionaron los intereses de la industria petrolera en relación con la explotación de gas de esquisto mediante el fracking. El presidente del Ayuntamiento hizo varias preguntas sobre los impactos y la técnica de COESUS, Suelita Röcker, respondió basándose en estudios científicos y experiencias prácticas.

Al final de la capacitación, cada concejal expuso su posición en contra del fracking y reafirmó su compromiso de defender la vida y el bienestar de la población. Se comprometieron a presentar una ley que dificulte la entrada de empresas petroleras para la explotación de fracking en el municipio.

Concejales de Novas Colinas apoyan a No Fracking Brasil

Councilors from Novas Colinas support No Fracking Brazil

The COESUS team made a speech at the invitation of parliamentarians from the city of Maranhão

What is fracking?

Fracking – also called hydraulic fracturing – is a process that involves injecting large volumes of water, chemicals and sand at high pressure into underground rock layers to release trapped natural gas. Despite being a technique already used in several countries, it is controversial because it causes environmental and ecological damage, including contamination of groundwater, release of greenhouse gases, induced earthquakes, etc.

The COESUS team – Coalition No Fracking Brazil for Water and Life, a campaign by the Arayara International Institute, was invited by the councilors of Novas Colinas, in Maranhão, to participate in a public session held at the City Council on September 23, 2022. The group shared information about the risks of exploiting shale gas using the fracking method in the municipalities of Maranhão. The plenary was attended by 8 councilors and more than 10 representatives of the local community.

The invitation was made after a conversation with the president of the Rural Union of Farmers and Farmers of Nova Colinas, Ivanete Carvalho da Silva, and other farmers linked to the body. The conversation dealt with the risks of hydraulic fracturing and, after that moment, one of the councilors present called the COESUS team to speak at the City Council.

During the session, all those present raised doubts and questioned the interests of the oil industry in relation to the exploitation of shale gas through fracking. The mayor asked several questions about the impacts, and the COESUS technician, Suelita Röcker, answered based on scientific studies and practical experiences.

At the end of the training, each councilor explained his views against fracking and reaffirmed his commitment to defending the life and well-being of the population. They pledged to present a law that would make it difficult for oil companies to explore fracking in the municipality.

Concejales de Novas Colinas apoyan a No Fracking Brasil

Vereadores de Novas Colinas apoiam a Não Fracking Brasil

A equipe da COESUS fez uma fala a convite dos parlamentares da cidade maranhense

O que é o fracking?

O fracking – também chamado de fraturamento hidráulico – é um processo que envolve a injeção de grandes volumes de água, produtos químicos e areia, a alta pressão, em camadas de rocha do subsolo para liberar o gás natural que está preso. Apesar de ser uma técnica já utilizada em vários países, ela é controversa por causar danos ambientais e ecológicos, incluindo contaminação da água subterrânea, liberação de gases de efeito estufa, terremotos induzidos etc.

 

A equipe da COESUS – Coalizão Não Fracking Brasil pela Água e Vida, uma campanha do Instituto Internacional Arayara, foi convidada pelos vereadores de Novas Colinas, no Maranhão, para participar de uma sessão pública realizada na Câmara Municipal no dia 23 de setembro de 2022. O grupo compartilhou
informações sobre os riscos da exploração de gás de xisto pelo método de fracking nos municípios maranhenses. O plenário contava com a presença de 8 vereadores e mais de 10 representantes da comunidade local.

O convite foi feito após uma conversa com a presidente do Sindicato Rural de Agricultores e Agricultoras de Nova Colinas, Ivanete Carvalho da Silva, e outros agricultores ligados ao órgão. A conversa tratou sobre os riscos do fraturamento hidráulico e, após esse momento, um dos vereadores presentes chamou a equipe da COESUS para uma fala na Câmara Municipal.

Durante a sessão, todos os presentes levantaram dúvidas e questionaram os interesses da indústria petrolífera em relação à exploração do gás de xisto através do fracking. O presidente da Câmara Municipal realizou diversas perguntas sobre os impactos, e a técnica da COESUS, Suelita Röcker, respondeu com embasamentos em estudos científicos e experiências práticas.

Ao final da capacitação, cada vereador expôs suas colocações contra o fracking e reafirmou o compromisso de defender a vida e o bem-estar da população. Eles se comprometeram a apresentar uma lei que dificulte a entrada de empresas petrolíferas para a exploração de fracking no município.

Universidade Federal do Maranhão participa de capacitação com a COESUS

Universidade Federal do Maranhão participa de capacitação com a COESUS

O encontro tratou sobre os impactos do fracking na nos municípios do estado

O que é o fracking?

O fracking – também chamado de fraturamento hidráulico – é um processo que envolve a injeção de grandes volumes de água, produtos químicos e areia, a alta pressão, em camadas de rocha do subsolo para liberar o gás natural que está preso. Apesar de ser uma técnica já utilizada em vários países, ela é controversa por causar danos ambientais e ecológicos, incluindo contaminação da água subterrânea, liberação de gases de efeito estufa, terremotos induzidos etc.

A equipe da COESUS – Coalizão Não Fracking Brasil pela Água e Vida, uma campanha do Instituto Internacional Arayara, realizou uma capacitação no campus da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), localizado em Balsas, no dia 16 de setembro de 2022. Durante o evento, foram apresentados os impactos que o Fracking é capaz de causar nos municípios maranhenses.

A assistente social, Ellen, e o secretário Jhonathaem foram os participantes da conversa e ficaram responsáveis por compartilhar as informações com o corpo acadêmico. Além disso, a equipe da COESUS fez um convite especial para que a diretora, os professores, os funcionários e os alunos da faculdade participassem de uma audiência pública em Balsas, realizada no dia 21 de setembro, na câmara municipal de vereadores. O objetivo dessa audiência foi discutir os riscos da exploração do gás de xisto pelo método de Fracking nos municípios maranhenses.

É importante ressaltar que a COESUS valoriza a ciência e a educação, contando com a participação de diversos centros educacionais de ensino em suas atividades. A conscientização sobre os perigos do Fracking é um dos pilares fundamentais da missão da coalizão.

Na audiência pública, a diretora da UFMA – Balsas, Sra. Gisélia Santos, esteve presente juntamente com professores do curso de engenharia ambiental que se voluntariaram para fazer parte da COESUS. A união entre a academia e a sociedade civil é fundamental para combater os impactos negativos do Fracking e buscar alternativas mais sustentáveis para o desenvolvimento do estado.

A participação ativa da comunidade acadêmica e o engajamento das instituições de ensino são cruciais na luta contra o Fracking, a fim de garantir a proteção do meio ambiente e a preservação da saúde e bem-estar da população.