Assine a Petição Xô Termoelétricas - Instituto Internacional Arayara
+55 (41) 9 8445 0000 arayara@arayara.org

ASSINE A PETIÇÃO #XÔ TERMOELÉTRICAS!

Novas termoelétricas? Não obrigado.

SÃO PAULO

⛔️São Paulo vem sofrendo grande pressão para ser instalada uma usina termoelétrica na região do Vale do Paraíba, na cidade de Caçapava. O projeto ainda se encontra na sua fase inicial, para o projeto ocorreu a aprovação para estudo de solo de uma área que totaliza 15 hectares.

⛔️O projeto de usina termoelétrica prevista para Caçapava seria uma das maiores usinas movida a gás natural do Brasil e da América Latina, um verdadeiro retrocesso na transição energética justa e no combate às mudanças climáticas.


 RIO DE JANEIRO

⛔️Termoelétricas em Macaé (RJ) colocam em risco a saúde e o abastecimento de água. Você sabia? A instalação de 11 termoelétricas em Macaé, no Rio de Janeiro, irá encarecer a energia, gerar poluição prejudicial à saúde, e acabar com a água disponível. O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) anunciou que a cidade não irá suportar tais empreendimentos.

⛔️A base de evidências sobre os prejuízos que a poluição do ar causa ao corpo humano vem crescendo rapidamente e aponta para danos significativos, no curto e longo prazo. Materiais Particulados extremamente finos, que são emitidas pelas termoelétricas, são capazes de penetrar profundamente nos pulmões e entrar na corrente sanguínea, causando impactos cardiovasculares, cerebrovasculares (AVC) e respiratórios. O dióxido de nitrogênio (NO2) que também é emitido está associado a doenças respiratórias, principalmente asma, levando a sintomas respiratórios como tosse, chiado e dificuldade para respirar.

⛔️Pesquisas apontam que a exposição a poluentes no ar estão diretamente relacionados a distúrbios na saúde reprodutiva, neonatal e infantil, além de câncer, infertilidade e impactos em diversos órgãos do corpo humano. Macaé não precisa de termoelétricas. Xô Termoelétricas!

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Email

Compartilhe em suas redes para que a petição chegue a mais pessoas, seja um defensor da vida, diga Xô Termoelétricas!